Como visitar Machu Picchu, 10 dicas que você precisa saber!

Como visitar Machu Picchu 1

Conhecida como a “cidade perdida dos Incas”, Machu Picchu, por sua incomparável beleza e força espiritual que emana dos remanescentes arqueológicos, é privilegiada por fazer parte de um seleto grupo de monumentos mundiais que milhões de viajantes de cinco continentes sonham em visitar, estando inclusive entre uma das 7 maravilhas do mundo moderno.

Guando eu estava planejando meu Mochilão Bolívia Chile e Peru tive certa dificuldades de detalhar o meu Roteiro. Por isso compartilho de forma resumida: Como visitar Machu Picchu, 10 dicas que você precisa saber!

1. Como visitar Machu Picchu e comprar o ingresso. 

Se for visitar Machu Picchu em alta temporada, ainda no Brasil é muito importante realizar a compra do ingresso para Machu Picchu. A necessidade de comprar com antecedência é que o número de visitantes por dia é limitado, caso você optar por subir para Montanha Huaynapicchu é ainda mais limitado, evite ir a cidade de Machu Picchu aos domingos, pois há uma quantidade maior de visitantes devido aos peruanos terem uma tarifa especial.

A Huaynapicchu é uma montanha que leva-se 1h e 30min o trajeto e, no topo da montanha, tem-se uma visão incrível de cima da cidade de Machu Picchu.

Já a Montanha Machu Picchu fica ao lado oposto de Huaynapicchu, levando cerca de três horas o trajeto. Eu subi a Machu Picchu, o percurso é mais cansativo do que a Huaynapicchu.

Para realizar a compra do ingresso utiliza-se o site oficial do governo peruano. Vale lembrar que o site só aceita cartão visa. Na hora de comprar, verifique antes se seu cartão de crético é “Verified by Visa” ou “Master Card Security Code” pois devido a inúmeras fraudes os sites de compra peruanos adotaram este sistema de compras.

2. Ficar em Cusco

Quando se fala em conhecer Machu Picchu, visitar Cusco é obrigatório, pois acaba sendo a base, por ser uma cidade com bons hotéis, ótima gastronomia, uma boa vida noturna (bares com happy hour até às 2 da manhã e baladas onde não se paga pra entrar) e, além disso, existem vários sítios arqueológicos nas redondezas e acaba sendo o ponto de partida para vários tours e passeios. Tudo isso acontece em volta da famosa Plaza das Armas, por isso fique hospedado nas proximidades.

Para a galera Mochileira que gosta de festas e fazer novas amizades, super recomendo ficar hospedado no Wild Rover Hostels Cusco, que fica próximo a Plaza das Armas. Eu adorei !!! (Não achei no Booking, mas no site do Wild Rover você reserva). Mas se preferi pelo Booking, selecionei boas opções de hostels em CuscoEu quando fui, não foi alta temporada… então consegui reservar quando cheguei. (Eu estava em um Mochilão, por isso não reservei antes, pois não sabia precisamente quanto tempo ia ficar em cada cidade).

Para quem gosta de compras, Cusco tem vários lugares de artesanatos, roupas e artigos de prata com preços muito bons. E um lugar ótimo para comprar coisas baratas é o mercado municipal São Pedro. Vale lembrar que tudo se negocia, basta insistir e ter uma boa lábia.Como visitar Machu Picchu 2

3. Evitando o mal da altitude

Se você não quer perder nenhum dia de viagem, previna-se contra os sintomas do Mal da Altitude (clique e saiba mais sobre esse mal). Tome muito chá de coca. Devido à altitude, cerca de 3.400 metros, qualquer atividade física cansa. Desde carregar a mochila até andar alguns metros, você já sente um cansaço.

Também em decorrência da altitude, algumas pessoas sentem mal estar, dores de cabeça, náusea, tontura, respiração curta e perda de apetite. Por isso compre muito chá de coca, vende em qualquer lugar. Caso você queira se prevenir ainda mais, pegue três folhas de cocas, as mais verdes que tiver, e masque-as como chicletes logo que chegar em Cusco. E beba bastante água!

Para quem gosta de beber, tome cuidado, pois também devido a altitude, fica mais fácil ficar bêbado, o que é bom, pois gasta-se pouco com bebidas, mas pode estragar a visita!

4. Passeios/City Tour antes de Machu Picchu

Existem outros passeios que são incríveis e que se tornam obrigatórios se você quiser conhecer um pouco mais da cultura Inca. Em minha passagem por Cusco fiz dois passeios com uma agencia: Vale Sagrado e City Tour, e para fazê-lo é necessário comprar o boleto turístico. A carteirinha de estudante internacional ISIC dá desconto de 50% na compra do boleto Turístico. O estudante tem que ter menos de 26 anos para usufruir do desconto!

O Vale Sagrado é um passeio que leva o dia inteiro, e você conhece Pisac, Chinchero Ollantaytambo, que são vilarejos que possuem ruínas da civilização Inca com vários mistérios e histórias. O City Tour leva meio período e você conhece os lugares ao redor de Cusco com ruínas e outras histórias.

ATENÇÃO: Ambos têm que ser feitos antes de visitar Machu Picchu, pois todos os lugares possuem uma ligação com Machu Picchu, e você poderia perder um pouco do interesse.Como visitar Machu Picchu 3

5. O caminho para Machu Picchu

Existem 2 opções de Como visitar Machu Picchu: você pode ir a pé (trilha) ou de trem (para quem tem pouco tempo, esta última é a melhor forma. Eu fui de trem!):

Os trens para Machu Picchu saem de Poroy ou de Ollantaytambo com destino a Águas Calientes. Poroy fica a cerca de 30 minutos de Cusco, porém tem poucos horários de trem. Eu fui de Ollantaytambo que fica a 1 hora e 30 minutos de carro de Cusco (segui a recomendação de outros viajantes). Para chegar na estação de Ollantaytambo, você pode escolher pegar um táxi, uma van ou um ônibus. Recomendo pegar um táxi, pois o ônibus ou van é bem mais demorado.

Existem duas companhias de trem que fazem o trajeto, uma é a Peru Rail e a outra é a Inca Rail, e ambas são semelhantes, portanto escolha qual se encaixa melhor no seu bolso e horário. A viagem dura apenas 1 hora e 30 minutos, portanto não é cansativa. Os tickets do trem você pode comprar na Plaza das Armas, nas agências das próprias companhias, e nesse caso, compre-as com antecedência, não deixe para a última hora e reserve dinheiro, pois fica em torno de $200,00 ida e volta (dólares-valor jan/2014).

Em Águas Calientes não existem muitas coisas para se fazer, então reserve um hotel próximo à estação e opte por dormir lá na vésperas da sua subida para Machu Picchu.

Para voltar de Machu Picchu, escolha voltar por Ollantaytambo e não por Poroy !! (recomendação de outros viajantes)Como visitar Machu Picchu 4

6. Descansar antes de subir para Machu Picchu

Opte por ficar uma noite em Águas Calientes, pois é um vilarejo muito acolhedor, com comidas típicas e pessoas simpáticas. Porém não há nada para fazer lá, além de comer e dormir. Portanto, recomendamos que você chegue na cidade por volta das 19h ou 20h, para que dê tempo de jantar, comprar o bilhete do ônibus que sobe para Machu Picchu (sim, tem que pegar um micro-ônibus que sobe a montanha em 20 minutos, ou você pode subir a pé que leva cerca de 1 hora e meia), e depois vá para o hotel descansar, pois o dia seguinte começara cedo.

7. Ver o nascer do sol em Machu Picchu

O melhor horário para chegar em Machu Picchu é quando os primeiros raios solares surgem pelas montanhas e iluminam a cidade. Para ter essa experiência, acorde cedo! Levante às 4 da manhã, tome café-da-manhã às 4h30 e chegue na fila dos ônibus antes das 5 da manhã, pois nesse horário já tem fila para os ônibus que começam as operações às 5h30.

Além de ter ver o espetáculo da natureza, Machu Picchu estará vazia e você poderá tirar a famosa foto na pedra com mais tranquilidade.Como visitar Machu Picchu 5

8. O que levar para Machu Picchu

Vá com um tênis e roupas confortáveis, uma bolsa contendo água e um lanche leve com frutas (isso é importante, pois as coisas são bem caras lá), protetor solar, boné/chapéu (verão), capa de chuva (inverno/período de chuvas). Logicamente você não pode se esquecer de levar seus documentos (passaporte ou RG).

Por falar em passaporte… na entrada você mesmo pode dar uma carimbada em seu passaporte. Muitos esquecem desse detalhe e voltam para o Brasil sem o famoso carimbo no passaporte pra guardar de lembrança. É o carimbo mais lindo do meu passaporte, rsComo Visitar Machu Picchu

9. Guia para explorar Machu Picchu

Não se preocupe em contratar um guia antes de chegar em Machu Picchu, na entrada terão vários guias em todos os horários, e você pode escolher em realizar o tour em grupo de 10 pessoas em média (fica mais barato) ou sozinho. Em grupo o valor por pessoa é por volta de 30 soles (25 reais), duração de 2 horas. O grupo opta pelo idioma inglês ou espanhol. O guia explica a história dos Incas e o significado de espaço, vale muito a pena.

10. Quando ir para Machu Picchu

A melhor época para visitar Machu Picchu vai de maio a setembro, pois a probabilidade de chuva é menor. Dentro desses meses, junho e julho são os melhores para conhecer o legado Inca, já que a probabilidade de precipitação é menor ainda.

Saiba também:
Roteiro a pé no Centro Histórico de Cusco – Peru
Como conhecer o Centro Histórico de Cusco, Peru em 2 hs
City Tour na cidade de Cusco, saiba as atrações que irá visitar!
Tudo sobre o Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas, Cusco
Boleto Turístico de Cusco, onde comprar? Saiba tudo sobre ele!
Montanha Machu Picchu e Huayna Picchu, qual delas subir?

Gostou do artigo com dicas de Como visitar Machu Picchu, 10 dicas que você precisa saber! ?! Então aproveite, anote em seu roteiro de mochilão essas dicas importante de como visitar Machu Picchu.

No Instagram @roteiroviagemdemochileiros você encontrará mais fotos da minha viagem à Machu Picchu entre outras. Pesquise pela hashtag #roteiroviagemdemochileiros

Boa Viagem Mochileiros!!

Booking.com

Economize em Passagens Aéreas. Conectamos você com quem tem milhas sobrando. Clique abaixo! Imagem 4


Como visitar Machu Picchu, 10 dicas que você precisa saber!
Avalie esta postagem

Tenho certeza que você vai gostar também:

O Booking é um dos maiores sites de hospedagem do mundo que ajuda os viajantes decidirem a reserva com base nas dicas, comparação de preços, fotos do estabelecimento, avaliações e comentários feitos por ex hóspedes principalmente nos quesitos: atendimento e higiene do local. Fizemos uma parceria com o booking e você reservando por aqui, ajuda o blog a manter atualizado com novas dicas de viagem. Lembrando que você leitor não paga mais nada por isso! E apenas acessando através da imagem/pesquisa abaixo e não reservando ou reservando e cancelando não ganhamos nada. Também não ganhamos nada apenas por divulgar o site deles. CLIQUE ABAIXO e pesquise bastante usando os filtros, tenho certeza que encontrará uma hospedagem ideal pra você! Eu uso sempre e recomendo!
Booking.com

Comentários