Tudo sobre o Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas, Cusco

Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas 1

O Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas, é praticamente obrigatório pra conhecer a história do Império Inca e geralmente é o que antecede a visita à cidade Inca de Machu Picchu. O Passeio é feito na região conhecida como Vale Sagrado dos Incas. Eram construções destinadas às mais diversas finalidades, como fortificações, escolas, moradias, áreas de cultivo, etc. 

Para realizar o Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas, você precisa comprar o Boleto Turístico de Cusco e assim conseguirá visitar esses lugares que vou lhes apresentar abaixo. Leia: Boleto Turístico de Cusco, onde comprar? Saiba tudo sobre ele!

Vale Sagrado dos Incas

O Vale Sagrado dos Incas, nos Andes peruano, é composto por vários rios que descem por pequenos vales, sendo o mais importante o Urubamba, possui diversos monumentos arqueológicos e povoados indígenas. Os incas escolheram esta localização para viver devido às suas qualidades geográficas e climáticas, pois é um lugar tão bom para a agricultura, que ainda hoje produz o melhor grão de milho do Peru, além de várias espécies de batatas.  

Pisac

As ruínas incas de Pisac ficam no alto de uma linda montanha. Só a visão lá do alto já compensa o passeio. Pisac tinha uma função religiosa dentro do Vale Sagrado dos Incas, mas também era muito usada para experimentação agrícola e observação astronômica. A experimentação agrícola era feita através de vários níveis no solo que criavam microclimas e permitiam analisar como diferentes temperaturas, pressão e altitude influenciavam cada um dos alimentos plantados (foto acima, da capa). A função religiosa era feita através de templos que ficam no topo de Písac.Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas 10

Na cidade de Pisac, interessante é visitar o povoado aos domingos, quando ocorre a famosa feira de artesanatos indígenas, ou às terças e quintas, quando também há uma feira, mas em tamanho menor. Sua praça, com seus artesanatos e produtos agrícolas à venda, é um lugar colorido e divertido para se apreciar a cultura e os costumes locais. Além do pitoresco bairro de San Blas no centro de Cusco, aqui em Pisac você também vai encontrar pessoas vestidas com trajes típicos do Peru, ótimo para tirar fotos com os habitantes, lhamas, alpacas. Mas lembre-se, tenha sempre moedas no bolso para dar uma “propina” para as cholas e crianças quando tirar foto delas, coisa que não fiz e me arrependo.Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas 3

Chinchero

As ruínas de Chinchero consistem em vários terraços que vão subindo, acompanhando o terreno até chegar à igreja construída no início dos anos 1600. Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas 7

Aos domingos, acontece uma feira tradicional, com produtos têxteis, artesanato e produtos agrícolas. É a cidade do tecelão, e o seu mercado colorido nos dias de domingo é quase tão popular como Pisac. Assistir uma aula da técnica usada pelos incas do tingimento da lã de lhama para obter todas aquelas cores, é simplesmente admirável.Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas 11

Ollantaytambo 

Essa é minha ruína preferida. Um gigantesco complexo arqueológico, religioso, administrativo, militar e agrícola, construído estrategicamente para controlar todo o Vale Sagrado, edificado entre imensos muros e rochas. Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas 3

A cidade parece que parou no tempo, pois ainda preserva aspectos da arquitetura original. Algumas casas ainda são habitada por descendentes Inca que ainda falam a língua Quéchua, dialeto oficial dos Incas.Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas 4

Outras partes da construção Inca foram destruídas e casas coloniais construídas sobre as pedras. O forte, que marca o início da trilha Inca é todo rodeado por montanhas. Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas 2

Aqui fica localizado a estação de trem que liga o Vale Sagrado (Ollantaytambo) a Águas Calientes, que é ponto de partida para conhecer Machu Picchu. Leia o artigo: Como visitar Machu Picchu, 10 dicas que você precisa saber! Na foto, eu e meus amigos Mochileiros esperando o trem para Águas Calientes.Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas 4

Saiba também:
Boleto Turístico de Cusco, onde comprar? Saiba tudo sobre ele!
Roteiro a pé no Centro Histórico de Cusco – Peru
Como conhecer o Centro Histórico de Cusco, Peru em 2 hs
City Tour na cidade de Cusco, saiba as atrações que irá visitar!
Como visitar Machu Picchu, 10 dicas que você precisa saber!
Montanha Machu Picchu e Huayna Picchu, qual delas subir?

OBS: Não se esqueça de levar o Boleto Turístico ou não poderá entrar nos sítios arqueológicos; Leve também: Protetor solar, Boné/chapéu (verão), Capa de Chuva (inverno/período de chuvas) e bastante água, pois sentirá necessidade em lugares mais altos.

Como Chegar?

A maioria das agências (que você pode encontrar facilmente ao redor da Plaza das Armas), o Passeio inclui os sítios arqueológicos de Pisac, Chinchero Ollantaytambo. (Não foi incluida Tipón e Pikillacta que fica Vale Sagrado do Sul, nem todas as agências o vendem. Mas se procurarem bastante ao redor da Plaza das Armas, você irá encontrar alguma que faça esse tour). Algumas agências inclui a visita às Ruínas de Moray e Salineras de Maras, que fica pertinho, mas cobra ingresso à parte. Recomendo visitá-las em um tour separado para não fica corrido! Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas tem saída geralmente da Plaza das Armas por volta das 08h00, finalizando em Ollantaytambo, onde tomamos o trem para Águas Calientes pernoitar, pra de manhã cedinho partir pra Machu Picchu, se caso tenha contratado junto com o Vale Sagrado.

Até existe a opção de pegar um táxi ou alugar um carro e fazer o trajeto sozinho, mas as estradas são ruins e isso pode acarretar um atraso no passeio. Ao contrário do City Tour na cidade de Cusco que dá pra fazer por contra própria, porque fica nos arredores de Cusco, o Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas super recomendo um tour guiado incluindo Machu Picchu, até porque é caminho.

Onde ficar?

Para a galera Mochileira que gosta de festas e fazer novas amizades, super recomendo ficar hospedado no Wild Rover Hostels Cusco, que fica próximo a Plaza das Armas. Eu adorei !!! (Não achei no Booking, mas no site do Wild Rover você reserva). Mas se preferi pelo Booking, selecionei boas opções de hostels em CuscoEu quando fui, não foi alta temporada… então consegui reservar quando cheguei. (Eu estava em um Mochilão, por isso não reservei antes, pois não sabia precisamente quanto tempo ia ficar em cada cidade).

No Instagram @roteiroviagemdemochileiros você encontrará mais fotos da minha viagem à Cusco, que fez parte do meu Mochilão: Bolívia, Chile e Peru, entre outras. Pesquise pela hashtag #roteiroviagemdemochileiros

Dicas:

Cusco está localizado a 3.400m de altitude e alguns viajantes podem sentir algum desconforto pelo impacto do ar rarefeito em seu organismo. Esse desconforto é conhecido como “Mal de Altitude”. (clique e saiba mais sobre esse mal). Na fase de adaptação os sintomas mais comuns são dores de cabeça, náusea, tontura, respiração curta e perda de apetite. É importante fazer uma consulta médica antes de viajar, pois o médico irá indicar um medicamento. Outra dica é mastigar ou beber em chá as folhas de coca para aliviar esses sintomas.

Boa Viagem, Mochileiros!

Booking.com

Economize em Passagens Aéreas. Conectamos você com quem tem milhas sobrando. Clique abaixo! Imagem 4

Tudo sobre o Passeio pelo Vale Sagrado dos Incas, Cusco
4 (80%) 2 votes

Tenho certeza que você vai gostar também:

O Booking é um dos maiores sites de hospedagem do mundo que ajuda os viajantes decidirem a reserva com base nas dicas, comparação de preços, fotos do estabelecimento, avaliações e comentários feitos por ex hóspedes principalmente nos quesitos: atendimento e higiene do local. Fizemos uma parceria com o booking e você reservando por aqui, ajuda o blog a manter atualizado com novas dicas de viagem. Lembrando que você leitor não paga mais nada por isso! E apenas acessando através da imagem/pesquisa abaixo e não reservando ou reservando e cancelando não ganhamos nada. Também não ganhamos nada apenas por divulgar o site deles. CLIQUE ABAIXO e pesquise bastante usando os filtros, tenho certeza que encontrará uma hospedagem ideal pra você! Eu uso sempre e recomendo!
Booking.com

Comentários